Seja bem-vindo! Hoje é

Survival denuncia devastação em terra indígena no Paraguai

A Ong Survival International está denunciando a invasão por tratores do território de um grupo indígena isolado em uma das regiões mais remotas do Paraguai.

Imagens de satélite capturaram o estrago causado pelos tratores, alugadas pela empresa brasileira Yaguarete Pora S.A. para desmatar a área, planejada para tornar-se pasto. Alega-se que Jacobo Kauenhowen, proprietário de uma grande empresa de tratores na colônia menonita Loma Plata, situada nas proximidades, tenha alugado o maquinário.

A entrada dos tratores na terra indígena é absolutamente ilegal, tendo em vista a suspensão da licença de operação da Yaguarete S.A. na área, decretada pelo governo anteriormente.

Os Ayoreo-Totobiegosode representam a única tribo não contactada na América do Sul fora da Amazônia. No ano passado milhares de hectares de sua terra da região chamada Chaco, no norte do Paraguai, foram destruídos pela Yaguarete e outra empresa, River Plate S.A.


Alguns Totobiegosode já foram contactados e tem familiares dentre aqueles que continuam isolados na floresta.

Segundo uma organização local que apóia os Totobiegosode, a Yaguarete deixou claro que ‘não respeita os direitos indígenas, tampouco as leis do Paraguai’.

Tribos isoladas são extremamente vulneráveis a qualquer tipo de contato devido a sua falta de imunidade às doenças externas. Em seu relatório emergencial às Nações Unidas em 2008, a Survival International descreveu a ameaça aos Totobiegosode como ‘a mais grave ameaça a um povo indígena em qualquer lugar do mundo’.

Stephen Corry, diretor da Survival, declarou hoje: ‘Os tratores precisam parar, devem ser retirados do território Totobiegosode. Que tipo de governo ficaria de braços cruzados enquanto isso continua?’


Leia sobre esta historia na página Survival na internet (em inglês): http://www.survivalinternational.org/news/4979

Nenhum comentário: